sábado, 13 de julho de 2013

Apelo das crianças abrigadas


Nosso nome é criança!!!!
Estamos nos abrigos do Brasil, esperando por vocês!
Somos uma miscigenação belíssima.
Temos varias idades!
E só precisamos de duas coisas:
Uma família e muito amor!
E vocês, nos querem...
Já estamos esperando por vocês.
Às vezes estamos sozinhos, outras vezes com nossos irmãozinhos, e ainda junto conosco existem muitos de nós que fazem a diferença , pois são “ESPECIAIS”!!!
E precisamos de uma família “ESPECIAL”, que compreenda nossas limitações e que nos ame incondicionalmente!!!!
Temos muito a apreender e ensinar, independente da nossa idade!
Somos muito fortes, pois resistimos a todas dificuldades que a vida nos mostrou, para chegarmos aos braços de vocês,e recebermos o carinho e a paz que nos foi retirado!
Sonhamos-nos ,todos os dias neste encontro com vocês.
E só temos um pedido especial:
Abram o coração e deixem nos entrarmos na vida de vocês, tenham a certeza que seremos todos felizes!
Opa!
Temos um segredinho para lhes contar...
Para vocês serem os nossos pais, terão que percorrer um caminho,onde envolve papeis,documentos,cursinhos,pareceres,.....coisa de gente grande!!! Mas algo muito importante, para vocês se prepararem para a nossa chegada.
Então se realmente nos querem, não desistam e lutem por nós!!!
Querem saber o nosso endereço?
O coração de quem tocar!!!
Querem saber nossos nomes?
Meu nome é criança!!!

Autora: Fernanda B. Benitez-SC
----------------
Resolvi postar esse texto porque algumas pessoas me perguntam sobre adoção, como adotar uma criança, enfim... Bem, quem quiser maiores informações pode me procurar no Facebook. Terei o maior prazer em orientar, mas o principal é isso aí: crianças de todas as idades, etnias, sexos e principalmente grupos de irmãos lotam os abrigos e esperam com anisedade por uma familia, uma pai, uma mãe... Quem sabe você não seja essa pessoa tão esperada?
Bjks e fiquem com Deus!

Aline

6 comentários :

ღღღღ Cici ღღღღ disse...

E imaginar que existe tanta criança carente de amor e carinho... é realmente muito triste!
Dizem que a burocracia aqui no Brasil atrapalha bastante, né! Mal necessário?
Um lindo findi, amiga!
Bjs
:)

Carmen Ferreira disse...

Oi Aline
Primeiro quero falar do texto,lindo e tão real!
Segundo: - não deixa ele jogar fora NÃO! homem tem mania de jogar nossas tranqueiras fora né? kkk
Tenta fazer sim Aline, vai ficar bem bonito e mais, vai ficar funcional... se fizer me conta que eu mostro lá no blog...

Bjos

Pepa disse...

Chegueiiiiiiii...

Vim porque a Cici mandou, mas já gostei do tema e já fui puxando minha cadeira e peguei um café lá na cozinha tá... sim, sou meio "abusada", mas sou boazinha, srrsrs

Menina, toda vez que vejo esses relatos fico tão impressionada !!!

É bom ter lugares sérios para elucidar dúvidas !!!

Bjus 1000 querida

Lia Gloria disse...

Vim através da Cici, mas não ficaria, se não gostasse rs

Me identifiquei com o teu jeito de 'falar', me encantei com a tua história, e admiro quem escreve muito bem!
Quanto ao tema do texto, vivenciei a história de uma criança adotada, meu irmão. Veio pra gente, grande, com 10 anos de idade, depois de ter passado por uma situação absurda na casa dos próprios pais. Hoje é um homem adulto e feliz, aos 47 anos de idade.

Bjs

M de Maria Ateliê disse...

Oi de novo...
Olha a propaganda da Cici :)

Lindo o texto, e me lembrei da 'energia' gasta de maneira errada e triste...
Falando dos reborn, assisti uma reportagem - tem tempo- com várias mulheres (ricas!) que compraram o bebê reborn, porque não podem mais ter filhos e tratam como se fossem.
Compram carrinhos, acessórios, decoram quartos (!!!), roupas 'de griffe' e fazem encontros com festas de aniversário e etc...
Triste diante de um texto como o seu e da realidade tão perto da gente!
Parabéns a que tem um coração como lar!
Parabéns pra você!
bjsss

Érica Catarina disse...

Oi Aline, que fofo o seu blog!
Adorei o texto! Que linda sua história, minha flor!
Adoção é um ato incrível de amor!
Eu quero muito, aliás, meu marido e eu, antes de nos casarmos já havia esse desejo no nosso coração!

Deus abençoe vocês, seu esposo e a Thalia com muitos sorrisos!
Filhos são bençãos divinas!

Beijão e obrigada por visitar meu cantinho, que também é seu!